GILSONNETO.COM

Notícias Sergipe

Belivaldo anuncia autorização para reestruturar rodovia da Orla Sul

Rodovia vai do final da Passarela do Caranguejo, a partir da Rua deputado Clovis Rollemberg, até a Praia do Viral, em Aracaju.

Belivaldo anuncia autorização para reestruturar rodovia da Orla Sul
Divulgação
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O governador Belivaldo Chagas assinará, na próxima semana, a ordem de serviço para reestruturação da Rodovia SE-100, ligando a recém-inaugurada primeira etapa da Orla Sul até a Praia do Viral. Em entrevista concedida a TV Sergipe, no início da tarde desta quarta-feira, 07, Belivaldo ressaltou a importância da rodovia para o turismo sergipano. "Estamos trabalhando para isso, porque quando a gente investe em obras, a gente gera mais emprego, a gente gera renda e, automaticamente, Sergipe sai ganhando com isso" destacou.

Com a conquista da política fiscal do Governo do Estado elevando Sergipe para o conceito B no rating de reconhecimento da Secretaria do Tesouro Nacional (STN) - que mede anualmente a capacidade de pagamento dos estados brasileiros, de acordo com o cumprimento das metas de responsabilidade com gestão fiscal e transparência das contas-, Belivaldo espera que novos caminhos sejam abertos para conseguir mais verbas e dar continuidade ao Programa Pró Rodovias. Programa que alcança todos os territórios sergipanos.

"Quando o cidadão vê uma rodovia sendo feita numa certa localidade, ele também pede para sua, é natural. Agora para tanto, eu preciso de recurso financeiro, estamos trabalhando para isso e essa nota B pode abrir caminhos para que a gente consiga de trezentos a quinhentos milhões de reais a mais para investir em Sergipe. O Estado de Sergipe havia perdido a capacidade de investimento. Sergipe não estava fazendo sequer um quilômetro de rodovias com recursos do tesouro. Nós, hoje, já estamos investindo, só com recursos do Tesouro estadual, R$130 milhões. Então, estamos trabalhando para isso", afirmou.

O Pró Rodovias I já está revitalizando, atualmente, cerca de 500 km de rodovias estaduais. “E nós já estamos trabalhando o Pró- Rodovias II. Agora estamos fazendo a recuperação, quase uma reconstrução, em cerca de 500 km, fruto de empréstimos na ordem de R$200 milhões junto à Caixa Econômica, R$20 milhões ao Banco do Brasil e R$130 milhões que estamos utilizando com recursos do Tesouro estadual. A ideia é que a gente consiga ampliar, no mínimo, em mais 300 km para o Pró Rodovias 2 e, se possível, para o Pró Rodovias 3 , para que a gente chegue a 1.000km. Portanto, teríamos mais cerca de 500 km a um custo, hoje, de R$400 milhões”, disse o chefe do Executivo estadual.

Saúde

Além dos avanços nas obras de infraestrutura, o governador também reiterou seu compromisso com a Saúde no estado. “Há cerca de três anos, o Governo do Estado adquiriu 20 ambulâncias do Samu, mesmo a obrigação da substituição dessa frota sendo do governo federal. E, agora, autorizei à Secretaria de Estado da Saúde a fazer uma licitação para adquirir dez novas ambulâncias, porque o Samu está tendo uma demanda ainda maior na pandemia. Há quinze dias, nós contratamos, inclusive, mais duas ambulâncias numa rede privada para poder se somar à rede do Samu nessa distribuição de transporte de pacientes com Covid”, expôs o governador.

Belivaldo falou, ainda, sobre o Hospital da Criança, no qual tratamentos de média e baixa complexidade serão realizados. “Está ficando a coisa mais linda e, em agosto, nós vamos entregar à população”, informou o governador, anunciando, ainda, a entrega do CER IV, também para o segundo semestre deste ano. “São dois equipamentos que vamos entregar para atender a população”, pontuou. O Centro Especializado em Reabilitação tipo IV (CER IV) é um equipamento de saúde que será destinado à atenção de pessoas com deficiência física, auditiva, intelectual ou visual.

Covid-19

Quanto aos números da pandemia, Belivaldo agradeceu ao trabalho que vem sendo realizado pelos profissionais da Saúde e atribuiu às medidas restritivas e à vacinação, o momento de queda de casos, óbitos e ocupação de leitos de UTI, tanto na rede pública quanto na rede particular de Sergipe. “O que nos permitiu flexibilizar a retomada da maioria dos setores e atividades”, explicou, destacando, porém, que o governo do Estado continuará com o trabalho de enfrentamento à propagação do vírus, assim como a sociedade deve continuar seguindo todos os protocolos sanitários recomendados.

“A vacinação é a arma mais poderosa para derrotar a pandemia, seguimos no trabalho de distribuição das doses com agilidade para os municípios e estimulando estratégias, através da Secretaria de Estado da Saúde, para que eles acelerem a imunização. Infelizmente ainda estamos sofrendo com a demora na liberação de doses da Sputnik V pela Anvisa. Temos um acordo para a aquisição de até 400 mil doses que poderiam imunizar ainda mais a nossa população”, concluiu.

FONTE/CRÉDITOS: Governo de Sergipe
Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )