GILSONNETO.COM

Governo de Sergipe contrata empresa para atuar na limpeza do óleo nas praias

As equipes constataram que o aparecimento de óleo teve uma redução significativa em todas as regiões de Sergipe
Governo de Sergipe contrata empresa para atuar na limpeza do óleo nas praias
Foto: Governo de Sergipe
41

Governo de Sergipe contrata empresa para atuar na limpeza do óleo nas praias

Jornal da Cidade

A Secretaria de Estado da Inclusão Assistência Social e Trabalho (Seit), por meio da Defesa Civil Estadual, está contratando uma empresa especializada para a limpeza do óleo no litoral sergipano. 

Durante o último fim de semana, segundo a Seit, equipes de campo atuaram na limpeza de óleo e resíduos em vários pontos do litoral sergipano e o trabalho de monitoramento e limpeza continua sendo feito diariamente pelas equipes que atuam em todas as áreas que foram atingidas pela substância oleosa aqui no Estado. As equipes constataram que o aparecimento de óleo teve uma redução significativa em todas as regiões de Sergipe.

O aplicativo "Olhos de Águia Mancha de Óleo" " já está disponível também no sistema IOS, além do Android. Este aplicativo pode ser usado no preenchimento de relatórios de localização de manchas de óleo nas praias. Ele pode ser acessado em qualquer celular, inclusive quando estiver sem conexão com a internet, isso porque, quando o aparelho tiver cobertura ele sincroniza e identifica o local onde há mancha de óleo. As informações coletadas do aplicativo são direcionadas para a base do Grupo de Acompanhamento e Avaliação (GAA), da Marinha, Ibama e ANP. em Brasília.

O Governo do Estado divulgou algumas orientações gerais sobre o recolhimento do óleo na praia:

1. Os voluntários não devem descartar o óleo recolhido em lixo comum. O local indicado para o descarte é o Ecoponto da Petrobras. Posteriormente os resíduos serão encaminhados para armazenamento temporário no Pólo de Gerenciamento de Resíduos Perigosos da Petrobras, em Carmópolis, onde aguardam a transferência para a empresa Votorantim, que dará a destinação final ambientalmente correta;

2. Se houver contato com a substância e aparecendo reações adversas, procurar atendimento médico;

3. Usar Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), como luvas impermeáveis (preferencialmente PVC), calçados fechados, máscaras e protetor solar;

4. Não reutilização o material coletado;

5. Na retirada do material dos locais atingidos, realizar raspagem superficial e a remoção de areia oleada. Após a remoção, o material é guardado em big-bags, bolsas impermeáveis, apropriadas para esse tipo de resíduo e as bolsas deverão ser encaminhadas para locais adequados, citados acima.

OUVIR NOTÍCIA

A Secretaria de Estado da Inclusão Assistência Social e Trabalho (Seit), por meio da Defesa Civil Estadual, está contratando uma empresa especializada para a limpeza do óleo no litoral sergipano. 

Durante o último fim de semana, segundo a Seit, equipes de campo atuaram na limpeza de óleo e resíduos em vários pontos do litoral sergipano e o trabalho de monitoramento e limpeza continua sendo feito diariamente pelas equipes que atuam em todas as áreas que foram atingidas pela substância oleosa aqui no Estado. As equipes constataram que o aparecimento de óleo teve uma redução significativa em todas as regiões de Sergipe.

O aplicativo "Olhos de Águia Mancha de Óleo" " já está disponível também no sistema IOS, além do Android. Este aplicativo pode ser usado no preenchimento de relatórios de localização de manchas de óleo nas praias. Ele pode ser acessado em qualquer celular, inclusive quando estiver sem conexão com a internet, isso porque, quando o aparelho tiver cobertura ele sincroniza e identifica o local onde há mancha de óleo. As informações coletadas do aplicativo são direcionadas para a base do Grupo de Acompanhamento e Avaliação (GAA), da Marinha, Ibama e ANP. em Brasília.

O Governo do Estado divulgou algumas orientações gerais sobre o recolhimento do óleo na praia:

1. Os voluntários não devem descartar o óleo recolhido em lixo comum. O local indicado para o descarte é o Ecoponto da Petrobras. Posteriormente os resíduos serão encaminhados para armazenamento temporário no Pólo de Gerenciamento de Resíduos Perigosos da Petrobras, em Carmópolis, onde aguardam a transferência para a empresa Votorantim, que dará a destinação final ambientalmente correta;

2. Se houver contato com a substância e aparecendo reações adversas, procurar atendimento médico;

3. Usar Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), como luvas impermeáveis (preferencialmente PVC), calçados fechados, máscaras e protetor solar;

4. Não reutilização o material coletado;

5. Na retirada do material dos locais atingidos, realizar raspagem superficial e a remoção de areia oleada. Após a remoção, o material é guardado em big-bags, bolsas impermeáveis, apropriadas para esse tipo de resíduo e as bolsas deverão ser encaminhadas para locais adequados, citados acima.

Fonte

Jornal da Cidade

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Notícias

Polícia
Polícia Civil de Alagoas prende em Maceió foragido da justiça de Sergipe
Polícia Civil de Alagoas prende em Maceió foragido da justiça de Sergipe
VISUALIZAR
Polícia
Parlamentares democratas dos EUA começam a preparar artigos de impeachment contra Trump
Parlamentares democratas dos EUA começam a preparar artigos de impeachment contra Trump
VISUALIZAR
Entretenimento
Simone, da dupla com Simaria, chora ao falar de dificuldade para emagrecer
Simone, da dupla com Simaria, chora ao falar de dificuldade para emagrecer
VISUALIZAR
Municípios
Solange Almeida e Joelma são atrações da Festa do Jegue em Itabi
Solange Almeida e Joelma são atrações da Festa do Jegue em Itabi
VISUALIZAR
Justiça
Justiça manda Flamengo pagar pensão às famílias de vítimas de incêndio no Ninho do Urubu
Justiça manda Flamengo pagar pensão às famílias de vítimas de incêndio no Ninho do Urubu
VISUALIZAR
Mundo
Homem é preso no Nepal por morte de mulher que foi isolada por estar menstruada
Homem é preso no Nepal por morte de mulher que foi isolada por estar menstruada
VISUALIZAR