GILSONNETO.COM

Senadora apela por solução e espera que ministro aponte alternativa

Maria contou que ficou chocada ao ter acesso às imagens publicadas pela imprensa nos últimos dias
Senadora apela por solução e espera que ministro aponte alternativa
Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado
32

Senadora apela por solução e espera que ministro aponte alternativa

Jornal da Cidade

A senadora Maria do Carmo Alves (DEM) apelou às autoridades responsáveis para que unam forças e encontrem, com a maior brevidade possível, uma alternativa para reduzir os impactos provocados pela mancha de óleo que, em cerca de 30 dias, já atingiu 124 praias de 59 municípios, de oito (dos nove Estados) do Nordeste. “Esperamos que o ministro Ricardo Salles (Meio Ambiente), que fará um sobrevoo nos locais atingidos, nesta segunda-feira, aponte uma solução, o mais rápido possível”, disse.

Maria contou que ficou chocada ao ter acesso às imagens publicadas pela imprensa nos últimos dias. Para ela, além da preocupação com a vida dos trabalhadores que vivem da pesca e de outras atividades marítimas, há de se destacar o impacto socioambiental que já vem gerando prejuízo de toda ordem. “É um problema grande e sério, pois prejudica toda uma cadeia. A contaminação já tem levado à mortandade de peixes, tartarugas e outras espécies”, disse, destacando a necessidade de todos os atores envolvidos direta e indiretamente se unirem com o propósito de limpar as áreas atingidas.

Em Sergipe, o assunto ganhou notoriedade, após a mancha aparecer na Praia da Coroa do Meio, próximo ao farol da Orla. O óleo, com aspecto de petróleo cru e de origem ainda desconhecida, já se alastrou por outras praias da capital e interior, levando o Governo do Estado a decretar situação de emergência, no último sábado (5). 

OUVIR NOTÍCIA

A senadora Maria do Carmo Alves (DEM) apelou às autoridades responsáveis para que unam forças e encontrem, com a maior brevidade possível, uma alternativa para reduzir os impactos provocados pela mancha de óleo que, em cerca de 30 dias, já atingiu 124 praias de 59 municípios, de oito (dos nove Estados) do Nordeste. “Esperamos que o ministro Ricardo Salles (Meio Ambiente), que fará um sobrevoo nos locais atingidos, nesta segunda-feira, aponte uma solução, o mais rápido possível”, disse.

Maria contou que ficou chocada ao ter acesso às imagens publicadas pela imprensa nos últimos dias. Para ela, além da preocupação com a vida dos trabalhadores que vivem da pesca e de outras atividades marítimas, há de se destacar o impacto socioambiental que já vem gerando prejuízo de toda ordem. “É um problema grande e sério, pois prejudica toda uma cadeia. A contaminação já tem levado à mortandade de peixes, tartarugas e outras espécies”, disse, destacando a necessidade de todos os atores envolvidos direta e indiretamente se unirem com o propósito de limpar as áreas atingidas.

Em Sergipe, o assunto ganhou notoriedade, após a mancha aparecer na Praia da Coroa do Meio, próximo ao farol da Orla. O óleo, com aspecto de petróleo cru e de origem ainda desconhecida, já se alastrou por outras praias da capital e interior, levando o Governo do Estado a decretar situação de emergência, no último sábado (5). 

Fonte

Jornal da Cidade

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Notícias

Mundo
Cuba adota sistema partilhado do poder, sem renunciar ao socialismo
Cuba adota sistema partilhado do poder, sem renunciar ao socialismo
VISUALIZAR
Entretenimento
Malvino Salvador sobre casamento em Noronha: "Vai ter passeio de barco"
Malvino Salvador sobre casamento em Noronha:
VISUALIZAR
Polícia
DAGV registra mais de 11 mil inquéritos da Maria da Penha
DAGV registra mais de 11 mil inquéritos da Maria da Penha
VISUALIZAR
Municípios
Dois condutores são flagrados dirigindo com CNHs suspensas
Dois condutores são flagrados dirigindo com CNHs suspensas
VISUALIZAR
Sergipe
TRE cassa mandato da deputada estadual Diná Almeida
TRE cassa mandato da deputada estadual Diná Almeida
VISUALIZAR
Sergipe
Estado negocia compra de boias no valor de 100 mil para conter avanço das manchas de óleo em...
Estado negocia compra de boias no valor de 100 mil para conter avanço das manchas de óleo em Sergipe
VISUALIZAR